terça-feira, 21 de junho de 2016

Pensamento do dia

O verão começou há apenas algumas horas e eu estou cansada. Será que o verão me recebe da mesma forma? Estará o verão, tão velhinho, cansado de toda esta rotatividade das estações do ano? O meu cansaço está cada vez mais gasto. Por vezes, assemelha-se a um cansaço intelectual. Não sei se o é, mas sei que físico não é certamente. E a minha mãe concordará. É que eu não faço nada. Podia acordar cedinho para ir correr, mas nem isso. Podia arranjar um emprego de verão, mas ninguém parece precisar de mim. Devo, essencialmente, estar cansada de pensar e formular teorias que depois reformulo e se encontram em constante estudo. Esta minha mania de ser pensante. Não sei até onde ela me vai levar, para já, intensas dores de cabeça e um cansaço estonteador. Obrigada, era tudo o que eu mais queria para este primeiro dia de verão. 

Sem comentários:

Enviar um comentário